Como Controlar o Ciúmes? Descubra Como Ser Menos Ciumenta!

Como controlar o ciúmes no relacionamento é sempre um assunto polêmico. Independente de qual estágio esteja o seu relacionamento, o ciúmes é um sentimento que sempre está presente.

O ciúmes nada mais é do que um sinal de insegurança. Ou seja, a mulher que tem ciúmes possessivo, não confia no seu parceiro ou tem problemas com a sua autoestima.

Portanto, se você sofre com ciúmes leve ou do tipo possessivo é preciso ter cuidado, pois o seu relacionamento pode estar correndo riscos de chegar ao fim.

Pensando nisso, separei algumas dicas comprovadas para te ajudar a controlar esse sentimento de uma vez por todas:

Mas afinal, o que é o ciúmes?

O ciúmes é um sentimento difícil de controlar que aparece por diversos motivos. Apesar de ser muitas das vezes desagradável, ele é um sentimento normal no ser humano.

Mas, dependendo do caso, se estiver em um nível exagerado, como o ciúmes possessivo é preciso procurar a ajuda de um psicólogo.

Em outras palavras, o ciúme funciona como um tipo de alerta quando na nossa visão algo não está indo bem ou da forma que queremos.

10 Dicas para controlar o ciúmes e a insegurança

Descubra as melhores formas para controlar o ciúmes e ter um relacionamento longe de crises, continue lendo abaixo.

Encontre o motivo dos ciúmes

Pare um pouco e pense: O que aconteceu para despertar esse sentimento em você? Por que esta com ciúmes? Faz sentido eu estar com ciúmes?

Os relacionamentos amorosos são os mais afetados por esse sentimento de posse exagerada, causando muitas separações de casais. Por isso, antes de mais nada você precisa identificar a razão de tudo isso.

As vezes pode ser apenas a sua mente te pregando uma peça e criando situações que nunca aconteceram.

Construa a confiança no relacionamento

Responda com sinceridade: você confia no seu parceiro?

Se a resposta for “Não” o melhor a se fazer é sentar e conversar sobre isso. Deixe claro a ele quais são as atitudes que te deixam enciumada, mas lembre-se que nem sempre é possível mudá-las.

Não precisa se culpar por sentir ciúmes, mas saiba reconhecer quando você está passando dos limites. Ou seja, para que o seu relacionamento continue bem é preciso aprender a confiar no seu parceiro.

Mantenha a conversa em dia

Essa dica serve como complemento para as anteriores. Portanto, converse com o seu parceiro sempre que se sentir insegura. Não se esqueça também de compartilhar as coisas boas que aconteceram.

Você precisa se sentir confortável ao se abrir com ele. Em outras palavras, se você não confia nem em dialogar sobre coisas simples, como vai confiar em relação as outras coisas?

Melhore a sua autoestima

Quando a sua autoestima está elevada, abalar a sua segurança é algo impossível. Além disso, pessoas que tem a autoestima forte confiam mais em si mesmas e conseguem separar quais atitudes merecem atenção ou precisam ser ignoradas.

Portanto, trabalhe na sua autoestima e você vai perceber aos poucos que todos os aspectos da sua vida vão melhorar!

Controle o seu comportamento

Cá entre nós, a gente sabe que é impossível controlar a liberdade do outro. As pessoas são diferentes umas das outras. Ou seja, quando você não respeita esse fato, demonstra que praticamente não confia no seu companheiro.

Esqueça o passado

Se você já foi traída no passado, é normal que fique um pouco receosa. No entanto, você deve se desprender do passado e viver o presente. Não traga decepções passadas para os seus relacionamentos atuais.

Por isso, se você ainda não conseguiu superar algo que te fez mal no passado, o ideal é procurar um profissional para te ajudar a curar essa ferida.

Procure entender o ciúmes

Quando surgir uma crise, enxergue o ciúmes com um olhar analista. Faz sentido você não deixar ele ir jogar bola com os amigos? Todo mundo merece sair para se divertir as vezes, inclusive você!

Demonstre o verdadeiro amor

O ciúmes, diferente do que muitas pessoas pensam, não é uma forma de amor e sim de possessão. Você já deve ter visto na rua algum casal brigando, essa é a verdadeira cara do ciúmes. O amor ao contrário disso, é calmo, gentil, leve e gostoso.

Não se compare com as ex-companheiras

Da mesma forma que você não deve se basear em relacionamentos do passado, você não precisa se comparar com as ex-companheiras dele. Se o seu parceiro está com você e te trata bem, é um sinal que ele gosta do jeito que você é e da sua personalidade.

Trabalhe o seu amor próprio

Estar bem consigo mesma não significa ser egoísta, ou narcisista, muito pelo contrário. Todos os dias quando acordar, lembre-se o quão você é importante para as pessoas que estão ao seu redor e para este mundo.

Como controlar o ciúmes no casamento

como controlar o ciumes no casamento

Se você está sentindo ciúme no casamento, é muito importante que você resolva este problema antes que saia tudo do controle. Veja abaixo 5 dicas para lidar com o ciúmes no casamento de uma forma saudável:

Um pouco de ciúme é normal

Querendo ou não haverá situações e pessoas que podem por em risco o bem estar do seu casamento. Pode ser uma colega no trabalho ou um emprego que exige muitas viagens. Nesses casos é normal sentir um pouco de ciúme.

O ideal é que você separe um tempo para falar sobre as suas preocupações e chegar em um acordo com o seu parceiro.

Encontre a raiz do problema

Se você está sempre sentindo ciúme, é fundamental que você descubra a origem desse sentimento.Você está sentindo ciúme por que ele não passa muito tempo com você? Ou você desconfia dele por que já houve infidelidade no casamento?

Comece a se questionar e tente entender de onde vem o ciúme e o que você pode fazer para amenizá-lo.

Trabalhe a confiança

Uma das melhores formas para se proteger do ciúme é trabalhar a confiança no seu casamento. Portanto, para que esse processo dê certo, vocês dois precisam demonstrar confiança um no outro.

Em outras palavras, quando o casal não dá motivos para que exista ciúme, os dois se protegem e constroem um relacionamento blindado.

Crie um apego saudável

Procure maneiras para passar mais tempo com o seu parceiro e se relacionar. Um casamento vai muito além do que apenas morar junto e dividir uma cama.

Portanto, comece a criar novos hábitos nem que sejam simples como assistir um filme na Netflix. Um casal que cria vínculos diariamente não dá espaço para que exista ciúme no casamento.

Reconheça o ciúme excessivo

A gente já sabe que ter um pouco de ciúme é algo completamente normal. Mas, se você está com ciúme sem nenhum motivo, isso não é um bom sinal, principalmente se ele for acompanhado de raiva.

Outro sinal do ciúme excessivo é quando um parceiro tenta ter controle sobre a outra pessoa. Se você está tendo esse tipo de sentimento, procure a ajuda de um profissional, não coloque o seu casamento em risco!

Leia também:

Eai amiga gostou das dicas? Você acha que vai conseguir controlar o ciúme agora? Comente abaixo!

Sobre o Autor

Daniela
Daniela

Olá, sou Daniela Santos tenho 28 anos. Atualmente sou blogueira, escritora e empresária. Ajudar as pessoas é algo que me deixa imensamente feliz e gratificada. Sempre fui a conselheira amorosa entre as minhas amigas. Por esse motivo, decidi criar esse blog para ajudar cada vez mais mulheres a serem felizes nos seus relacionamentos.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − 8 =